Daniel no Rádio




O juiz federal Sérgio Moro determinou nesta sexta-feira (28) que 21 objetos que eram de posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e foram apreendidos na Operação Lava Jato sejam incorporados ao Patrimônio da União pela Secretaria de Administração da Presidência da República.

Trata-se de presentes recebidos por Lula de chefes de estados e outras autoridades enquanto ele ocupava a Presidência - especialmente espadas, medalhas, canetas, insígnias e arte sacra. Todo o material estava em um cofre no Banco do Brasil.

Os objetos foram analisados por uma comissão da Secretaria de Administração da Presidência, que apontou que "presentes ofertados pelo Presidente da República aos chefes de estado e/ou de governo estrangeiros são adquiridos com recursos públicos da União, logo os presentes que ela receba em troca, também deveriam ser revertidos ao patrimônio da União".

Com base no pedido da própria secretaria para que os presentes fossem levados ao acervo nacional, Moro disse que a solicitação é pertinente.

"Se ela [a secretaria] afirma que parcela dos bens deve ser incorporada ao patrimônio da Presidência da República, é isso que deve ser feito, não cabendo a este Juízo maiores considerações, muito embora, pelos dispositivos citados, lhe caiba aparentemente razão", pontou o juiz. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 29/04/2017 - 11:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 4.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 4.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Com o intuito de aprimorar o canal de controle social dos cidadãos petrolinenses com a gestão, a Prefeitura de Petrolina implantou um novo sistema informatizado da Ouvidoria. A ferramenta foi apresentada aos servidores, nesta sexta-feira (28), no auditório do IGREPREV.

Com a implantação da plataforma, a população poderá registrar sua sugestão, crítica, denúncia, reclamação ou elogio sobre qualquer um dos serviços prestados pela Prefeitura, pela internet, dentro do portal Prefeitura, inclusive podendo anexar imagens ou documentos. O serviço poderá ser acessado no endereço www.petrolina.pe.gov.br/, no link "ouvidoria", ou através do telefone 156, além disso, o usuário também tem a opção de ir diretamente no setor, no prédio da Prefeitura. 

De acordo com a Coordenadora Geral da Ouvidoria, Flávia Antunes, a nova versão do Sistema dará mais agilidade aos encaminhamentos das manifestações e contará com recursos que facilitará o cadastro e acompanhamento das manifestações do cidadão. Na parte operacional, o sistema ficou mais interativo com os usuários que poderão realizar a apuração e monitoramento das denúncias com maior segurança e eficiência.

A ouvidoria é ligada a Controladoria Municipal, funciona de segunda a sexta-feira, das 07h até às 13h, no prédio da Prefeitura. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 29/04/2017 - 09:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 5.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 5.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Com o objetivo de revitalizar o Rio São Francisco em Petrolina, o projeto Orla Nossa acaba de ganhar um reforço importante. É que a partir do dia 02 de maio, soldados do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado do Exército Brasileiro vão ajudar na remoção das baronesas presentes na margem fluvial da cidade. Com uma oferta maior de mão de obra qualificada e equipamentos adequados, os serviços devem ser executados com maior agilidade e eficiência. A ideia é que o trabalho seja realizado até a conclusão da atividade inserida no Programa de Recuperação de Área Degradada (PRAD) de responsabilidade da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA).

O apoio do Exército Brasileiro ao projeto Orla Nossa foi definido em reunião realizada na última terça-feira (25) na sede da Secretaria de Infraestrutura, Habitação e Mobilidade de Petrolina, parceira do programa. Participaram do encontro o secretário Heitor Leite, o diretor-presidente da AMMA, Rafael Manoel de Oliveira Neto e o representante do 72º BIMtz, Capitão Queiroz.

ORLA NOSSA
Desde o dia 20 de março a Prefeitura de Petrolina realiza o projeto Orla Nossa. A proposta é revitalizar e preservar o ecossistema do Rio São Francisco. Além da remoção de cerca de 3.500 toneladas de baronesas e resíduos, estão sendo eliminados pontos de despejo de esgoto, assim como está sendo feita a retirada de sedimentos das margens do rio. Um trabalho de oxigenação da água também será realizado. O programa é resultado da parceria entre a AMMA, SEINFRAHM, Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 29/04/2017 - 07:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 5.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 5.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Campo Alegre de Lourdes é um município no extremo norte da Bahia. Com mais de 2.700 quilômetros de área territorial e em torno de 30 mil habitantes, calor o ano inteiro, Campo Alegre, já foi Peixe e Catita nos tempos em que era distrito de Remanso. Se não lhe faltavam nomes; nunca do agrado dos que lá nascem e vivem, sempre faltou água.

Ao longo de 70 anos, desde o reconhecimento como vila em 1938, inúmeros políticos faturaram votos e liderança com duas promessas básicas ao povo de Campo Alegre: Estrada e Água. Poucos levaram a sério as promessas, que apesar do esforço de alguns, nunca saíram do papel.

Esta realidade começou a mudar em 2012. Gean Antunes, Presidente da Associação Popular Campo Alegrense em Prol da Adutora do Rio São Francisco, com a colaboração dos Agentes Comunitários de Saúde, recolheu 7.649 assinaturas e, com o abaixo assinado em baixo dos braços, caminhou por todos os órgãos estaduais e federais reivindicando a construção da adutora a partir do Rio São Francisco, a menos de 100 quilômetros.

Naquele ano, de deputados à presidente da República e dirigentes de órgãos federais receberam o documento e em 2013, o então Ministro Fernando Bezerra Coelho, atendendo a população de Campo Alegre e ao vereador de Petrolina, Pérsio Antunes (Campo Alegrense), autorizou a execução do projeto da adutora, conforme contrato 0.118.00/2013, no valor de 79,6 milhões, com data de início em 25/01/13 e término em 21/03/17. Em outubro de 2013, o governador da Bahia Jacques Wagner e o Presidente da Codevasf, lá em Campo Alegre, sob o sol de 40 graus, assinaram a ordem de serviço de execução da adutora.

Gean Antunes não se acomodou: Continuou acompanhando as obras, se informando das dificuldades de liberação dos recursos. No último dia 25, Gean Antunes e Pérsio Antunes, em Brasília, conseguiram junto ao Senador Fernando Bezerra e à Presidente da CODEVASF, Kênia Régia Anasenko, interferência junto ao Ministério do Planejamento para a liberação de um aditivo, no valor de 19,2 milhões, necessários para o término da obra. Além disso a Presidente da CODEVASF liberou os recursos necessários à COELBA para energização da adutora.

Em 60 dias, a sede de Campo Alegre dará fim à sede; dentro de mais algum tempo Angico dos Dias, comunidade de Campo Alegre também receberá água do São Francisco; graças a Gean Antunes, ao Senador Fernando Bezerra Coelho, à Pérsio Antunes e à vontade, fé e determinação do povo de Campo Alegre que nunca desistiu do sonho.

"Na inauguração, já garantida a presença do Senador Fernando Bezerra e a Presidente da CODEVASF, teremos o Povo e todos aqueles que contribuíram com a realização deste sonho" - comemora Pérsio Antunes e completa - "Dessa vitória todos vão querer se apropriar, mas a História, documentada, mostra quem realmente foi à luta". (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 23:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 5.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 5.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Os servidores da Prefeitura de Petrolina poderão aproveitar o fim de semana prolongado com mais tranquilidade. O salário referente ao mês de abril foi debitado nesta sexta-feira (28).

Segundo a secretária de Gestão Administrativa, Luiza Leão, a antecipação é resultado de planejamento responsável e trabalho em equipe. "A gestão se organizou para que os servidores possam aproveitar melhor o fim de semana prolongado, já que segunda-feira (1º) é Dia do Trabalhador. Além disso, com mais dinheiro circulando, a economia é aquecida no município", disse.

Apenas os servidores da Secretaria de Saúde não receberam nesta sexta. O pagamento será liberado para essa categoria no próximo dia 5. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 22:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A sexta-feira (28) foi um dia de muita alegria e descontração para os guardas-civis de Petrolina. Acompanhados das famílias, todos aqueles que estavam de folga, tiveram momentos de lazer e confraternização no Clube do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP). A festa era especial, por causa da comemoração pela passagem do 23º aniversário da Guarda Civil Municipal de Petrolina (GCM).

Além de um delicioso churrasco, a programação ainda contou com uma partida de futebol entre os tradicionais times Papa Sol e Papa Sereno. Em um clima muito amistoso, o resultado final não poderia ser melhor: 3 a 3, pra ninguém ficar triste. Depois de cantar os parabéns, ponto alto da festa, os presentes puderam se deliciar com um belo e saboroso bolo personalizado com o escudo da GCM. CUMPRIMENTOS Em nome do Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, o secretário de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade, Eduardo Carvalho, cumprimentou a toda a tropa, vinculada à pasta chefiada por ele, através da Secretaria-executiva de Segurança Pública. "É uma honra liderar estes homens e mulheres que, há tanto tempo, contribuem significativamente com a segurança pública de toda a cidade. Somente este ano, através da atuação da Guarda no Carnaval e demais operações realizadas rotineiramente, nós já pudemos observar a importância do trabalho de todos para garantir uma Petrolina cada vez mais segura para a população", celebra Carvalho. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 21:28:31  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (1 voto)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina - FACAPE pode sediar um curso de Pós-graduação em Gestão Pública, ofertado pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco - TCE-PE. A iniciativa, que ainda está em fase preliminar de análise e discussões, foi debatida nesta quinta-feira (27) entre o presidente da Faculdade, Antonio Henrique Habib; o diretor - executivo, José Alberto; a diretora-acadêmica, Vânia Lasalvia e o gerente de Planejamento de Ações Educacionais, Desenvolvimento e Inovação da Escola de Contas do Tribunal, Dácio Rijo.

O representante do TCE-PE destacou que a possibilidade de oferta do curso de Pós-Graduação, destinado especificamente para servidores públicos municipais, contempla as ações do projeto de interiorização da qualificação dos servidores. Dácio explica que o Tribunal tem descentralizado da capital, Recife, os cursos de qualificação, que agora também são ministrados em cidades no interior do estado.

Para o presidente da Facape, Antonio Henrique Habib, a parceria entre TCE-PE e a Faculdade beneficiará a população, que terá servidores, que ocupam cargos que lidam diretamente com recursos públicos, melhor qualificados. "Nos colocamos inteiramente à disposição da Escola de Contas para encontrar formas viáveis e legais de ofertar o curso. Certamente, a Facape também será beneficiada com a qualificação dos servidores", avalia o presidente. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 18:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 4.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 4.5/5 (2 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Uma criança de 1 ano e 4 meses de idade morreu na noite desta quinta-feira (27) em Cabrobó, no Sertão de Pernambuco. Segundo a mãe da menina, a criança teria levado um choque elétrico depois de ter pego na parte de trás do ventilador.

A criança chegou a ser socorrida para o hospital local, mas chegou à unidade de saúde sem sinais de vida. O corpo da criança foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina, também no Sertão do estado. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 17:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 3.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3.0/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Esta semana, a equipe de ginecologia e obstetrícia do Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina realizou o segundo procedimento de amniodrenagem em uma paciente de alto risco que apresentava síndrome de transfusão feto-fetal gemelar. Isso acontece quando um dos bebês passa mais sangue para o outro, ficando uma bolsa com excesso de líquido amniótico e a outra com uma quantidade pequena. A falta de um tratamento adequado, nesses casos, pode resultar em parto prematuro devido ao rompimento da bolsa por pressão e prejuízos à mãe, que pode reproduzir o que está acontecendo com os bebês dentro do útero.

Segundo o médico especialista em medicina fetal do HDM, Marcelo Marques, o trabalho da assistência e a realização da amniodrenagem faz toda a diferença nessas situações. "Com o procedimento nós conseguimos drenar o excesso de líquido amniótico, dando condições à mãe de prosseguir com a gestação até um período mais seguro para os bebês. Dessa forma eles ganham peso e nós melhoramos a condição de nascimento, diminuindo assim as chances de sequelas e aumentando a perspectiva de sobrevida", esclarece.

O primeiro procedimento desse tipo foi realizado no segundo semestre do ano passado no hospital. O caso clínico foi considerado um case de sucesso, apresentado nesta quarta-feira (26), durante a reunião materno-infantil do HDM. "Temos uma reunião clínica mensal da gineco/obstetrícia e pediatria, da qual participam médicos, preceptores, residentes e internos, com o objetivo de discutir e revisar casos clínicos que passaram pelos dois serviços aqui no Dom Malan. Por coincidência, esse mês o estudo apresentado foi justamente relativo à primeira amniodrenagem", destaca Marcelo.

Ainda sobre o procedimento pioneiro, o médico ressalta que o resultado surpreendeu a todos com uma regressão total do quadro de transfusão feto-fetal. "Geralmente nós precisamos repetir a amniodrenagem de tempos em tempos para retirada do líquido, mas, no caso do relato apresentado, com apenas uma sessão nós conseguimos melhorar consideravelmente a condição da mãe e dos bebês. Esperamos ter o mesmo sucesso com a nova paciente, apesar do quadro ser diferente, pois ela apresenta uma gestação de apenas 23 semanas e uma quantidade maior de líquido. A paciente continuará internada no alto risco e será acompanhada até o parto. Se necessário for, outras sessões de amniodrenagem serão indicadas", explica Marcelo.

Com relação à discussão dos casos entre a gineco/obstetrícia e pediatria, o profissional destaca a importância da troca. "O aprendizado é mútuo e exponencial, pois determinadas condutas das equipes podem ser moldadas a partir de momentos como esse. Como costuma falar Dra. Angélica, que é a diretora de Ensino e Pesquisa do HDM, o obstetra é o primeiro pediatra do bebê, pois ele melhora as suas condições de nascimento. Desse modo, precisamos nos ver como parceiros e aprender uns com os outros. Isso enriquece o nosso trabalho e melhora a assistência prestada ao usuário", finaliza. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 16:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Em frente às agências bancárias no Centro do Recife, bancários se concentram desde o início da manhã para se posicionar contra as medidas do Governo Federal, que podem mudar as regras da previdência social e trabalhista. O Sindicato dos Bancários de Pernambuco começou o trabalho de mobilização da categoria antes mesmo das 6h desta sexta-feira (28).

De acordo com a assessoria da categoria, o sindicato montou um esquema para dialogar com gerentes e funcionários nas agências do Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes. Eles souberam que as gerencias dos bancos públicos e privados solicitaram que os funcionários começassem a trabalhar a partir das 6h.

Está programada para a tarde desta sexta (28) uma caminhada da categoria. Eles vão se concentrar na rua da Soledade, no bairro da Boa Vista, de onde sairão em caminhada para o Derby, área central do Recife.

Os bancários de Pernambuco decidiram participar da greve em assembleia realizada no dia 18 de abril. A categoria aprovou o fechamento das agências dos bancos públicos e privados por um período de 24 horas. (FolhaPE)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 15:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O juiz Sydnei Alves determinou o arquivamento do processo movido pelo deputado estadual Odacy Amorim contra a campanha eleitoral do atual prefeito de Petrolina Miguel Coelho. A decisão foi emitida, na noite desta quinta-feira, e considera improcedente a suspeita de abuso de poder político e econômico da chapa capitaneada pelo Partido Socialista Brasileiro, no último pleito eleitoral, no município sertanejo.

A decisão judicial foi encarada de forma tranquila pelo prefeito Miguel Coelho. "Recebo essa notícia da mesma maneira de quando fui informado sobre a tentativa da oposição de desrespeitar o resultado das urnas, com serenidade e a certeza da plena legalidade de nosso trabalho. Ao contrário do ex-candidato da oposição, nossas contas foram aprovadas. Isso já evidenciava que nossa caminhada foi limpa e justa. Espero que agora respeite-se não só a decisão sagrada do povo mas também o parecer da Justiça", ressaltou o prefeito de Petrolina.

Miguel Coelho foi eleito no ano passado com mais de 60 mil votos. Apesar da chapa do socialista ter as contas aprovadas pela Justiça Eleitoral, o candidato derrotado pelo PT, Odacy Amorim, moveu ação para impedir a continuidade da gestão do atual prefeito da capital do Sertão do São Francisco. As informações são assessoria do prefeito.




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 14:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Os protestos contra as reformas das previdência e trabalhista e a Lei da Terceirização começaram a bloquear vias de Pernambuco ainda na madrugada desta sexta-feira (28). Ainda estava escuro quando manifestantes fecharam a BR-232 no sentido Recife-Interior, provocando congestionamento. Logo no início da manhã, antes mesmo das 6h, já haviam atos também na avenida Recife, no bairro de Areias, nos dois sentidos, e na avenida Cruz Cabugá, no cruzamento com a Avenida Norte, também nos dois sentidos. Também ocorrem atos na Ribeiro de Brito, em Boa Viagem, e na avenida Chico Science, nos Bultrins, em Olinda.

Uma equipe da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) está na Cruz Cabugá orientando os motoristas que seguem no sentido Centro a sobrar a direita na rua da Vice Governadoria para pegar a avenida Agamenon Magalhães ou a esquerda para a Rua da Hora. Quem vem no sentido Olinda faz o desvio no Parque 13 de maio.

Às 10h56 no bairro da Charneca, no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, manifestantes bloquearam o quilômetro 53, no sentido Norte. Eles atearam fogo em dois carros, tonéis, pneus e dizem que a manifestação é contra o presidente Michel Temer.

Às 11h18, manifestantes bloqueiam o trânsito no cruzamento das ruas Princesa Isabel e Hospício, no bairro da Boa Vista, área Central do Recife. A Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) informou que as avenidas Conde da Boa Vista e Cruz Cabugá são rotas alternativas. CTTU realiza monitoramento da área.

O protesto na avenida Recife, na altura do Hospital de Areais foi encerrado e, às 11h35,agentes da CTTU realizam a limpeza da via para, em seguida, liberar o local totalmente. (FolhaPE)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 13:16:26  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (2 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O governo lançou nesta quinta-feira (27) uma medida provisória que altera o modelo de registro de nascimento no país. Hoje, a lei que regula o registro público prevê que a certidão de nascimento contenha, entre outras informações, a data e local onde ocorreu o parto do bebê.

Já a nova medida prevê que a certidão registre a "naturalidade" da criança -o que permite que os pais optem entre a cidade onde a criança nasceu ou a cidade de residência da mãe.

Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a medida atende a um pedido de municípios que hoje não têm maternidades, e que acabam ficando de fora dos registros.
"Há milhares de municípios que não têm maternidades, e ninguém é registrado naquela cidade. Estamos dando solução para as pessoas optarem. Isso tem um valor sentimental e emocional importante para as pessoas", diz. O texto foi publicado no "Diário Oficial da União".

Além da opção pelo município, a medida prevê que, nos casos em que o parto ocorreu fora do hospital, passem a ser registrados na certidão os nomes, profissão e residência de duas testemunhas. (Folhapress)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 12:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.5/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Encerrou nesta quinta-feira (27), em Petrolina, a primeira etapa da II Conferência Estadual em Saúde das Mulheres (2ª CESMu). O evento, promovido em parceria pelo Conselho Estadual de Saúde (CES) e Secretaria Estadual de Saúde, está sendo realizado em quatro etapas macrorregionais como preparação para a II Conferência Nacional de Saúde das Mulheres.

Estiveram presentes a secretária de saúde do município sede, Magnilde Albuquerque; a vice-prefeita de Petrolina, Luska Portela, e representantes de 25 Secretarias Municipais de Saúde.

A primeira etapa macrorregional da 2ª CESMu, que foi aberta na tarde desta quarta-feira (26.04), teve como objetivo a realização de debates e discussões sobre o papel do Estado e municípios no desenvolvimento socioeconômico e ambiental e seus reflexos na vida e na saúde das mulheres, além de políticas públicas para as mulheres e a participação social. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 11:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 4.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 4.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



rmina nesta sexta-feira (28), às 23h59, o prazo para declarar o imposto de renda 2017. O contribuinte que não enviar sua declaração ou enviar o documento fora do prazo terá que pagar multa de, no mínimo, R$ 165,74. O valor máximo da multa corresponde a 20% do imposto devido.

Segundo balanço da Receita Federal, 23,46 milhões de declarações foram recebidas até as 17h de quinta-feira (27). A expectativa do órgão é receber 28,3 milhões de declarações neste ano.

Os contribuintes que enviaram a declaração no início do prazo, sem erros, omissões ou inconsistências, receberão mais cedo as restituições do Imposto de Renda - caso tenham direito a elas. Idosos, portadores de doença grave e deficientes físicos ou mentais têm prioridade.

As restituições começarão a ser pagas em 16 de junho e seguem até dezembro, para os contribuintes cujas declarações não caíram em malha fina. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 10:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 3.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3.5/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



"Uma decisão unilateral por parte da Secretaria Municipal de Saúde pode colocar em cheque a permanência de 25 médicos da Rede de Atenção Básica de Petrolina. A parceria da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF) e a Prefeitura Municipal de Petrolina, iniciada há mais de seis anos, garante a permanência do Programa de Residência de Medicina de Família e Comunidade da UNIVASF (PRMFC-UNIVASF). Atualmente, ele é o maior programa de especialização médica para a Atenção Básica de todo o Nordeste e um dos maiores do país. Os médicos-residentes e seus médicos-preceptores são responsáveis pela assistência à saúde de cerca de 100 mil habitantes em Petrolina. Estima-se que 1/3 da cobertura da Atenção Básica do município seja feita em parceria com o PRMFC-UNIVASF. O Programa de Residência de Medicina de Família e Comunidade tem o objetivo de especializar médicos para atuarem na Atenção Primária em Saúde, proporcionando um acompanhamento à população com qualidade, embasamento cientifico e avanços no atendimento humanizado das pessoas.

Em 2017 o programa acontece em 7 AMEs- Areia Branca, Vila Eduardo, Henrique Leite, Pedra Linda, Antônio Cassimiro, Ouro Preto e Jardim Amazonas; é já vem apresentando resultados com a organização dos serviços. Ocorre que um acordo firmado em março previu que cada unidade de saúde deve contar com 03 ou 04 médicos do Programa em fase de especialização (a depender da quantidade de equipes de saúde da unidade) e 01 médico-preceptor especialista responsável pelas atividades médico-assistenciais e acadêmicas. Infelizmente, no dia 12 de abril, a secretaria de saúde comunicou à Coordenação do Programa sua intenção de enviar parte dos residentes vinculados à essas AMEs para outras unidades de saúde que não contam com esta supervisão médico-assistencial e pedagógica. O resultado dessa medida seria a manutenção do Programa sem a devida supervisão médico-assistencial e acadêmica nas unidades que não fazem parte do Programa. Tal medida é absolutamente condenável pelos Ministério da Educação, Ministério da Saúde e Comissão Nacional de Residência Médica. Ao analisarmos a situação com mais cuidado, percebemos que ao enviar um médico-residente para uma unidade de saúde que não faz parte do Programa a secretaria de saúde irá atingir os outros médicos do município (sejam contratados ou concursados) pois não temos informações sobre "sobra de vagas" - o que poderia significar realocações ou até mesmo demissões. Isso poderá gerar desconforto com os outros trabalhadores médicos e suas representações legais. O PRMFC enfatiza que não está de acordo em atingir os outros médicos do município.

A atual secretaria de saúde possivelmente ainda não compreendeu a dimensão e importância do Programa para o município e para o povo de Petrolina. Infelizmente, mesmo tendo insistido na tentativa do diálogo, a Secretária não recebeu a Coordenação do Programa em seu gabinete para dialogar. Com o objetivo de manter o funcionamento do Programa a Reitoria irá se reunir com a Secretária de Saúde na quinta-feira (27).

Desejamos que esse empecilho seja em breve superado para garantia da continuidade do serviço de atenção em saúde com qualidade para população petrolinense.
ASCOM"




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 09:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 3.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Em comemoração aos 16 anos da CIPE/Caatinga (Companhia Independente de Policiamento Especializado - Caatinga/PM-BA), e ao Dia Nacional da Caatinga, comemorados respectivamente nos dias 17 e 28 de abril, o secretário de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR), Anderson Alves foi homenageado pela Corporação com a entrega do título Emérito de Colaborador da CIPE/Caatinga. A entrega do título, emitido pelo Comandante da corporação, o Major da PM Wildon Teixeira dos Reis, aconteceu nesta quinta-feira (27), no gabinete do secretário e foi efetuado pela Cabo Sandra Souza e o Sargento Claudio Aguiar.

De acordo com a Cabo Sandra Souza, somente dois títulos foram entregues este ano, e um deles foi conferido ao Secretário Anderson Alves por sua incondicional colaboração prestada à Companhia e principalmente pelos serviços prestados ao Exército Brasileiro enquanto um Guerreiro da Caatinga. "Essa é a forma encontrada pelo Major para homenagear os parceiros e colaboradores que sempre estão conosco. Escolhemos a data de hoje para entregar o título por estarmos na semana da caatinga, e o secretário é um combatente de Caatinga, serviu muitos anos ao Exercito Brasileiro, então é uma homenagem mais do que justa", ressaltou.

Para o Secretário Anderson Alves os serviços prestados, seja à Corporação, ao Exercito ou a comunidade enquanto secretário, vereador, ou mesmo como cidadão são atividades que realiza com prazer. "Para mim é uma honra receber uma homenagem como essa. Desde muito cedo tive uma criação voltada para ajudar o próximo, e sigo até hoje. E é num momento como esse que vejo que minhas ações estão no caminho certo. Só posso agradecer a toda a equipe da CIPE/Caatinga na pessoa do Major Wildon por essa grande homenagem". Pontuou Anderson Alves. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 08:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.5/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Até a primeira quinzena de junho, traremos para Petrolina [PE] um centro de pesquisa e desenvolvimento, com investimento de R$40 milhões, e que vai estudar energias alternativas para a região, indicou o ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, que participa do 1º Fórum de Energias do Sertão, organizado pela Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE), em parceria com o Sebrae, e que acontece durante todo o dia desta quinta-feira (27), no auditório do Senai.

"O centro deve ficar pronto em dez meses e nossa expectativa é aproveitar o aeroporto, universidades, escolas técnicas e o Sistema S, para convergir os futuros estudos e podermos transformar a cidade num polo de tecnologias energéticas", afirmou ao público do evento. "O Brasil está voltando a crescer e nós precisamos estar integrados nesse crescimento, principalmente no setor elétrico, cujo potencial é enorme", acrescentou.

O fórum visa estimular debates e ideias sobre o futuro energético no Nordeste e promove seminários, debates e cases de sucesso. Além de Fernando Filho, participaram o presidente da FIEPE, Ricardo Essinger, a diretora técnica do Sebrae-PE, Ana Cláudia Dias, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), o secretário estadual de Micro e Pequena Empresa, Alexandre Valença, o diretor-fundador do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires, e o presidente da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), Humberto Barbato.

Adriano Pires, palestrante convidado e um dos maiores especialistas em Energia, disse que a instabilidade do setor e políticas pouco claras afastavam os empresários na hora de investir no parque energético do país. Segundo ele, uma solução para baratear a conta que chega ao consumidor é "promover a geração de energia distribuída". "O Brasil precisa desenvolver políticas energéticas mais regionalizadas. Não faz sentido criar um parque eólico aqui no Nordeste para gerar energia para São Paulo, em que temos de fazer linhas de transmissão, gastar rios de dinheiro e ainda há a perca de energia durante a transmissão", diz. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 07:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.75/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.8/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Centrais sindicais convocaram protestos para esta sexta-feira (28) contra as reformas trabalhista e previdenciária nas capitais e em cidades do interior. Estão previstas paralisações em serviços como transporte público e aeroportos.

As maiores companhias aéreas do país disseram nesta quinta-feira (27) que vão permitir remarcações de passagens nesta sexta, sem custos.

Há manifestações do gênero em outras capitais e cidades do interior. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 28/04/2017 - 06:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou nesta quinta-feira (27) que um servidor receba remuneração maior que o teto previsto na Constituição - atualmente de R$ 33,7 mil - caso acumule dois cargos públicos, somando o salário de cada um.

A decisão vale para aqueles casos em que a própria Constituição permite o exercício de duas funções, como por exemplo, de funcionários de determinado órgão que também são professores numa universidade federal, ou de médicos que acumulam dois postos na rede pública.

Como tem repercussão geral, a decisão deverá ser seguida pelas demais instâncias judiciais que analisam casos semelhantes. No caso analisado pelos ministros, um médico de Mato Grosso recebia além do teto por trabalhar no departamento médico de duas secretarias estaduais do estado.

No julgamento, a maioria dos ministros entendeu que o teto remuneratório da Constituição vale para cada cargo isoladamente, não para a soma de duas funções. Ficou vencido somente o ministro Edson Fachin.

A Constituição diz que o teto equivale ao salário definido para os próprios integrantes do STF. Além da acumulação de cargos, uma remuneração maior que o teto pode ser alcançada com acúmulo de benefícios e adicionais num único emprego. Nessa hipótese, porém, continua valendo o limite de R$ 33,7 mil para o total recebido. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 27/04/2017 - 17:42:08  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 3.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3.0/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



«Primeira «Recentes [1] 2 3 4 5 ... Antigas» Última»