Unidade můvel de combate ŗ violÍncia contra a mulher atende interior de Juazeiro

Juazeiro recebeu esta semana uma das Unidades Móveis de Atendimento às Mulheres do Campo que integram as ações do Programa "Mulher: Viver Sem Violência", do governo do estado. Os distritos de Mandacaru, Salitre e Pinhões foram beneficiados com atendimento de uma equipe multidisciplinar da Secretaria de Políticas para Mulheres do Estado (SPM). A vinda da unidade foi possível através de uma parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES).

O ônibus lilás, como é conhecido, é adaptado para levar às mulheres que vivem na zona rural o acesso aos serviços especializados da Rede de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência. "A gente vem com uma equipe técnica multidisciplinar, incluindo advogada, assistente social e psicóloga, fazendo atendimento jurídico e psicossocial. Atendemos a essas mulheres e as encaminhamos à secretaria responsável, no caso de Juazeiro, a SEDES, que dará encaminhamento aos casos através do Centro Integrado e Atendimento à Mulher", afirmou a coordenadora da ação, Jaqueline Carvalho.

O veículo é equipado com duas salas para o atendimento individual, geradores de energia, ar condicionado, copa e banheiro adaptados para a acessibilidade de pessoas com deficiência. A equipe da SPM é composta por profissionais aptas a prestarem acolhimento humanizado e eficiente às mulheres do campo. "Muitas mulheres nem sabem que sofrem algum tipo de violência, então nosso objetivo é tentar falar com uma linguagem mais próxima possível e identificar através de uma conversa prévia as possíveis vítimas. Por isso, antes do atendimento com os profissionais específicos fazemos uma roda de conversa para que haja aproximação e criação de uma relação de confiança", comentou a psicóloga Mariana Paixão.

A dona de casa Mônica Santos acompanhou a roda de conversa e gostou do bate-papo. "Espero que o ônibus volte mais vezes e que possa ajudar às mulheres que sofrem com violência e ainda não têm coragem de denunciar", disse.

A secretária Cida Gama destacou a parceira entre estado e município. "Acreditamos ser importante essa parceria e isso só vem a fortalecer as políticas públicas de enfrentamento à violência doméstica e familiar. O ideal era que não precisássemos, mas havendo essa necessidade o município estará sempre disponível para contribuir e consolidar essa rede de enfrentamento à violência", destacou a secretária Cida Gama.

Além dos serviços oferecidos através do programa da SPM, a SEDES também disponibilizou equipes do Bolsa Família para atendimento nas comunidades. (Ascom0


Publicado por: Daniel Campos - 11/08/2017 - 18:24:20

 


Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar

Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.0/5 (3 votos)

 

 

COMENTÁRIOS