Em Pernambuco, Temer diz que não tem preocupação com impopularidade

O presidente Michel Temer afirmou nesta sexta-feira (2), no sertão de Pernambuco, que não tem medo de medidas impopulares e que teve peito para "colocar o dedo na ferida". "Seria cômodo se eu ficasse em silêncio", afirmou. Em tom de desabado, durante visita relâmpago ao Estado para inaugurar uma estação de bombeamento da transposição do rio São Francisco, Temer fez uma defesa das reformas trabalhista e da Previdência.

Aproveitou para fazer uma provocação aos seus adversários. Disse que, quem for contra as mudanças que propõe, terá que ter coragem de dizer ao país. "Não temos preocupação com a impopularidade. Temos preocupação com o Brasil. Quem for contra, vai ter que dizer, por exemplo, 'sou contra o teto'. A gente só pode gastar aquilo que arrecada", afirmou. O peemedebista ressaltou que as reformas beneficiam os mais pobres. "É diferente do que se alardeou", disse.

O presidente chegou de helicóptero e não enfrentou protestos. Falou para uma plateia formada apenas pelos trabalhadores da obra, numa área distante 36 quilômetros do perímetro urbano de Cabrobó. (Folhapress)


Publicado por: Daniel Campos - 03/02/2018 - 10:00:00

 


Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar

Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.78/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.8/5 (9 votos)

 

 

COMENTÁRIOS