Daniel no Rádio



De acordo com o Censo Escolar da Educação Básica 2017, o número de matrículas no ensino fundamental (1º ao 9º ano) dos colégios públicos caiu em relação ao ano passado. Já nas creches e na pré-escola, subiu.

Ensino fundamental e médio

O número de alunos matriculados no ensino fundamental em 2017 caiu 1,7% em relação a 2016 - foi de 22.419.989 alunos para 22.056.515. No ensino médio, a queda foi de 2,9% - de 6.878.762 matrículas no ano passado para 6.682.515.

Apesar de haver essa redução no número de estudantes matriculados na última etapa da educação básica, o ensino integral cresceu no setor público. Em 2016, 5,95% dos alunos do ensino médio estudavam no período estendido. Neste ano, a taxa subiu para 7,49%. Esse é, inclusive, um dos objetivos do Ministério da Educação (MEC) na reforma do ensino médio.

Creches e pré-escola

Sobre as creches, o Censo mostra que o número de matrículas nas escolas públicas cresceu 6,4% entre 2016 e 2017 - foi de 2.068.682 para 2.209.782 alunos. Os colégios municipais continuam concentrando o maior número de matriculados nessa etapa: 99,8%.

Na pré-escola, também houve aumento no número de matriculados - a elevação foi de 2,6%. Eram 3.772.990 crianças nas escolas públicas e, em 2017, o índice subiu para 3.872.765. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 26/12/2017 - 10:05:05  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.17/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.2/5 (6 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O consumidor residencial brasileiro terá de lidar com dois anos de reajustes na energia bem acima da inflação. As causas são um regime de chuvas insuficiente para compensar períodos de seca e o aumento dos encargos sociais. Na média, as tarifas devem fechar o ano com alta de 14% e subir 9,4% em 2018. A expectativa é que o IPCA (inflação oficial) fique abaixo de 3% em 2017 e em 4% no ano que vem.

Em algumas regiões, as tarifas podem pesar ainda mais no bolso, segundo levantamento da consultoria especializada TR Soluções. Na média, a maior alta deve ser registrada na região Sul (+10,7%), seguida pelo Sudeste (+9,3%). Em São Paulo, por exemplo, a conta de luz deve fechar este ano 7% mais cara e subir outros 9,1% em 2018.

A energia elétrica deve também ter um efeito não desprezível de 0,4 ponto percentual sobre a inflação medida pelo IPCA do ano que vem. A previsão da TR inclui algumas premissas: as diferentes bandeiras esperadas ao longo do ano, os reajustes previstos para as principais distribuidoras e o regime de chuvas para o período.

As projeções são feitas para 13 regiões metropolitanas usadas como referência e que espelham o que ocorre no país. De janeiro a abril -o período considerado chuvoso-, as principais hidrelétricas brasileiras devem gerar em média o equivalente a 85% da energia que vendem, de acordo com a TR.

Isso significa dizer que, se as chuvas não ajudarem e as geradoras produzirem algo abaixo disso, as tarifas poderão subir ainda mais. Além do regime de chuvas, os encargos incluídos na tarifa também explicam as previsões pouco animadoras. (Folhapress)




Publicado por: Daniel Campos - 26/12/2017 - 07:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.25/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.3/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Como já é tradição, os últimos dias do ano contam com celebrações religiosas especiais para este período natalino. O arcebispo de Olinda e Recife, dom Antônio Fernando Saburido, celebra as tradicionais Missas do Galo e de Natal durante o feriadão. Já na Assembleia de Deus, o pastor e presidente da entidade evangélica, Aílton José Alves, comanda o culto natalino na segunda-feira (25), a partir das 18h.

Neste sábado (23), a partir das 20h, acontece a abertura do Natal de Olinda, com missa na Igreja do Carmo, que fica localizada na praça de mesmo nome, no Sítio Histórico da Cidade Patrimônio da Humanidade. No domingo (24), véspera de Natal, é realizada a Missa do 4º Domingo do Advento, às 9h, na Catedral da Sé, localizada na Cidade Alta. As duas celebrações são presididas por dom Fernando Saburido.

Ainda no domingo (24), a partir das 20h, acontece a Missa do Galo, no Quartel do Derby, localizado na área central do Recife. Antecedendo a cerimônia, às 18h, há apresentação da quase sesquicentenária Banda de Música da Polícia Militar de Pernambuco. Na sequência, o público confere, às 18h45, a Recitação de Poema de Natal; às 19h, o "Auto de Natal Filho de Deus, Menino Meu!", da comunidade Shalom Recife; e, às 19h30, uma apresentação da cantora Cristina Amaral.

Na segunda-feira (25), a Missa de Natal acontece às 9h, no Alto da Sé. também presidida por dom Fernando Saburido.

Na quarta-feira, o pároco participa da abertura da Igreja Concatedral de São Pedro dos Clérigos, no pátio de São Pedro, no bairro São José (Centro do Recife), às 19h30. A programação tem início com apresentação do Quinteto de Cordas da Orquestra Criança Cidadã e do Quarteto Encore, a partir das 18h.

Por fim, na quinta-feira (28), o arcebispo visita quilombolas, descendentes indígenas, pescadores e agricultores da região de Suape, no município de Ipojuca, no Litoral Norte do Estado.

Cantata

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus (IEADPE) realiza a nona edição da tradicional Cantata de Natal nesta segunda-feira. O tema deste ano é "Para Sempre Deus Conosco". O evento acontece no campo do Quartel do Derby, a partir das 18h. São esperadas cerca de 15 mil pessoas para participar da celebração.

O culto é comandado pelo pastor presidente da IEADPE, Ailton José Alves, e, em seguida, há a cantata, que conta com a participação de 250 coristas acompanhados por uma orquestra de 170 instrumentalistas.

Este ano, a cantata conta com uma infraestrutura de som e iluminação especiais. No campo do Derby será colocado um grande telão de LED e dez mil cadeiras. Já no entorno do quartel serão postas telas de LED e mais cinco mil assentos. (FolhaPE)




Publicado por: Daniel Campos - 24/12/2017 - 12:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.80/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.8/5 (5 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



É de praxe, quando chega o fim do ano, os gastos geralmente aumentam com as compras de presentes para as pessoas queridas e a empolgação vem principalmente quando o 13º salário cai na conta, o que acaba comprometendo o orçamento familiar. Mais de 10% dos brasileiros chegam a deixar de pagar dívidas por causa dos gastos excessivos segundo a pesquisa elaborada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) junto ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). O segredo é não gastar além do que vai receber.

As despesas são diversas - estão na soma as dívidas feitas durante o ano, as viagens que foram ou que serão feitas, reservas de hotéis e os custos com as festas do fim de ano. Além disso, existem também os gastos do início do próximo ano, como, por exemplo, os impostos e despesas escolares. "O primeiro passo para planejar o gasto com os presentes é determinar o valor exato disponível para as compras já descontadas as despesas fixas que as pessoas sempre têm", observa Dori Boucault, advogado especialista em direitos do consumidor. Outra dica é anotar os nomes daqueles que receberão os presentes.

Pensar na forma de pagamento também é bastante importante - ao parcelar as compr, é sempre bom analisar os juros. Para o especialista, o consumidor deve se manter atento aos juros, porque, em alguns casos, acabam sendo embutidos e, na ânsia de comprar, não observa os valores acima do preço real do produto. A melhor forma de resolver essa questão é a compra à vista: esse tipo de pagamento possui melhores possibilidades de desconto.

Comprar com antecedência também é uma ótima forma de se organizar. Boucault aconselha: "Se o consumidor deixar para comprar muito em cima da hora, acaba não tendo tempo para pesquisar preços ou encontrar opções de produtos mais baratos e, assim, vai gastar mais, comprometendo o seu orçamento". Uma das principais dicas é analisar bem antes efetuar a compra, e assim, poder refletir a necessidade e sobre se o valor está dentro da sua realidade financeira.

O local da compra é também um fator determinante. Lojas bem estabelecidas no comércio oferecem mais segurança, fornecendo nota fiscal, que é uma forma importante para o cidadão exercer seus direitos em caso de problemas com a mercadoria. Por isso, evite comprar produtos de procedência duvidosa. Atente-se principalmente a produtos vendidos na internet: site de compras seguros possuem um cadeado verde na barra de navegação. (FP)




Publicado por: Daniel Campos - 24/12/2017 - 10:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.20/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.2/5 (5 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A Venezuela ordenou neste sábado (23) a expulsão do embaixador do Brasil, Ruy Carlos Pereira, ao declarar que ele é 'persona non grata' no país. A decisão foi anunciada por Delcy Rodríguez, presidente da Assembleia Nacional Constituinte venezuelana.

Pereira já estava no Brasil, onde passa as festas de fim de ano, segundo a Globonews. Em nota, o Itamaraty afirma que, se o ato for confirmado, Brasil aplicará as medidas de reciprocidade.

"No âmbito das competências da Assembleia Nacional Constituinte, em que está justamente a soberania, nas nossas bases de comissão, decidimos declarar 'persona non grata' o encarregado de negócios do Canadá, e declarar 'persona non grata' o embaixador do Brasil, até que se restitua o fio constitucional que o governo de fato vulnerou, no caso deste país-irmão", afirmou Rodriguez, em comunicado transmitido pelo canal de televisão estatal VTV.

A fala de Delcy sobre o Brasil foi uma resposta a um dos jornalistas sobre como outros países tratam a participação de partidos no processo eleitoral.

"Vimos algumas posições minoritárias a nível internacional. Essa é uma informação para este país, não para outros governos", disse ela. "O caso a que você se refere, especificamente, do Brasil, neste ano, depois do golpe de estado que houve no Brasil, contra a presidente Dilma Rousseff, foi aprovada no Congresso a chamada cláusula de barreira, que impede justamente que partidos pequenos possam ter participação eleitoral". (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 24/12/2017 - 09:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.5/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Árvores decoradas com luzes e enfeites, presépios, guirlandas, sinos e canções. Todos são itens comuns em época de Natal, em que cristãos de todo o mundo celebram o nascimento do menino Jesus. Entretanto existem costumes peculiares ao redor do globo para esta época festiva, como os krampus da Áustria e o kiviak da Groelândia, prato preparado com cabeça de foca

Os krampus da Áustria

No país do centro europeu, os krampus são criaturas que parecem demônios com chifre, têm o corpo coberto de pele de ovelha e carregam varas e correntes, sendo o oposto da figura do Papai Noel. Conta a lenda que eles vêm assustar e capturar as crianças que não se comportaram bem no Natal. O personagem também é famoso em outras partes da Europa e possui até festas temáticas para os adultos.

As teias de aranha da Ucrânia

É comum ver teias de aranhas enfeitando as árvores de Natal dos ucranianos. A história conta que uma pobre viúva e seus filhos tiveram sua árvore, sem nenhum enfeite, decorada por teias de aranha e, no primeiro raio de sol, as teias se transformaram em ouro e prata, simbolizando a prosperidade do lar.

As vassouras da Noruega

Para os noruegueses, as bruxas más podem vir roubar as vassouras da sua casa para dar um passeio. Por isso, a lenda diz que todas as vassouras das residências devem ser escondidas.

O Papai Noel da Suíça

Na pequena cidade da Samnaum, há uma competição local na casa de esqui que elege o melhor Papai Noel. Popularmente conhecida como "ClauWau", conta com 100 participantes vestidos a caráter que encaram desafios como escaladas, circuitos com obstáculos, corridas de esqui e decoração de biscoitos.

A cabeça de foca da Groenlândia

Na Groenlândia, maior ilha do mundo, nada de peru de Natal ou salada de maionese, o prato destaque é o kiviak. Para preparar, é preciso costurar a cabeça de uma foca como um saco. Em seguida, enchê-la com vários auks, passáros típicos do local. A iguaria é enterrada e fermentada durante meses. Dizem que o gosto é semelhante ao queijo gorgonzola.

O gato da Islândia

Na Islândia, o folclore conta que o gato monstro se esconde na neve e devora aqueles que não ganharam nenhuma roupa nova no Natal. A tradição diz que somente as crianças que terminaram seus afazeres ganham as vestimentas para se salvar do gato Yule, que fica bisbilhotando os pequenos pelas janelas das casas.

O Caganer da Espanha

O caganer, figura de um homem defecando, é facilmente encontrado em cenários natalinos, inclusive junto com Maria, José e o menino Jesus. Dizem que a figura representa a fertilização do solo e também a prosperidade do ano seguinte.

O Caga Tió da Catalunha

Na Catalunha, um tronco é enfeitado com rosto e pernas na parte dianteira e é "alimentado" e cuidado pelas crianças, muitas vezes com direito a cobertores. Essa brincadeira começa a ser feita no dia 8 de dezembro e, na noite do dia 24, a ideia é cantar e bater com pedaços de pau no cCga tió para que ele, literalmente, "defeque os presentes".

As árvores diferentes da Índia

Apesar de representar apenas 2,3% da população, a parcela cristã da Índia corresponde a 25 milhões de pessoas. Apesar de a celebração ser comemorada de forma similar às outras ao redor do mundo, pela falta de pinheiros para enfeitar, geralmente árvores de banana ou mangas são utilizadas.

A superstição dos tchecos

Na República Tcheca, o Natal possui algumas tradições que podem contar o que te espera no próximo ano. As moças solteiras pegam um sapato de salto alto e o atiram por cima de seu ombro. Se a ponta dele cair em direção à porta, significa, acreditam elas, que o casamento está próximo.

O picles da Alemanha

A criança que encontrar um picles escondido na árvore de Natal na Alemanha ganha um presente extra além de muita boa sorte para o ano seguinte, conta a lenda local. (FolhaPE)




Publicado por: Daniel Campos - 24/12/2017 - 08:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O governo publicou nesta sexta-feira (22) o decreto anual de indulto de Natal, reduzindo, nos casos sem grave violência ou ameaça, o tempo de cumprimento da pena para a obtenção do perdão. A decisão estabelece, entre outros pontos, o indulto a quem tenha cumprido "um quinto da pena, se não reincidentes, e um terço da pena, se reincidentes, nos crimes praticados sem grave ameaça ou violência à pessoa".

Em nota, o Palácio do Planalto se limitou a dizer que o "presidente da República concedeu o indulto de acordo com o Artigo 84, inciso XII, da Constituição Federal". A regra citada estabelece que compete ao presidente "conceder indulto e comutar penas, com audiência, se necessário, dos órgãos instituídos em lei".

No ano passado, o decreto presidencial com o perdão natalino estabelecia que teria que ser cumprido no mínimo um quarto da pena. Parte dos de colarinho branco se enquadra no abrandamento das regras. Em novembro, procuradores da Força Tarefa da Lava Jato criticaram os critérios do indulto natalino afirmando que um condenado a 12 anos de prisão poderia cumprir apenas dois.

A manifestação dos procuradores foi encaminhada ao Conselho Nacional de Política Penitenciária e Criminal e listava dezenas de réus da Lava Jato paranaense condenados a penas inferiores a 12 anos de prisão.

O indulto de 2016 estabelecia o perdão apenas para os casos de penas privativas de liberdade que não fossem superior a 12 anos. Para a força-tarefa, as regras são "excessivamente benéficas" para acusados de corrupção, tornando-o um crime de "baixíssimo risco". (Folhapress)




Publicado por: Daniel Campos - 24/12/2017 - 07:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.5/5 (6 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) 2016 divulgada nesta quinta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que 24,8 milhões das pessoas de 14 a 29 anos de idade não frequentavam escola, cursos pré-vestibular, técnico de nível médio ou de qualificação profissional no ano passado.

As razões mais frequentes para não estarem estudando foram por motivo de trabalho, seja porque trabalhava, estava procurando trabalho ou conseguiu trabalho que iria começar em breve (41%); não tinha interesse em continuar os estudos (19,7%); e por ter que cuidar dos afazeres domésticos ou de criança, adolescente, idosos ou pessoa com necessidades especiais (12,8%).
Os motivos relacionados ao mercado de trabalho para não ir à escola foram mais frequentes entre os homens (50,5%). Além disso, entre eles, 24,1% disseram não ter interesse, e 8,2% já tinham concluído o nível de estudo que desejavam.

Para as mulheres, o motivo relacionado a trabalho para não estudar também foi o mais frequente (30,5%); 26,1% delas alegaram ter que cuidar dos afazeres domésticos ou de criança, adolescente, idosos ou pessoa com necessidades especiais, proporção 30 vezes superior à observada entre os homens; e 14,9% não tinham interesse.

No Brasil, em 2016, havia 51,6 milhões de pessoas de 14 a 29 anos de idade. Desse total, 13,3% estavam ocupadas e estudavam; 20,5% não trabalhavam e não estudavam; 32,7% não trabalhavam, mas estudavam e 33,4% estavam ocupadas e não estudavam.

Entre os homens nesse grupo etário, 14,7% não trabalhavam nem estudavam. No caso das mulheres, esse percentual chegou a 26,4%. Em relação à cor ou raça, a maior diferença entre os grupos foi estimada para as pessoas que não trabalhavam nem estudavam: 16,6% para as de cor branca e 23,3% para as pretas ou pardas. (ABr)




Publicado por: - 22/12/2017 - 10:53:49  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.75/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.8/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Os deputados federais Paulo Maluf (PP-SP) e Celso Jacob (PMDB-RJ) terão os salários e os beneficios como auxílio- moradia e verba de gabinete suspensos. A informação é da assessoria de imprensa da presidência da Câmara dos Deputados, os gabinetes dos dois parlamentares serão desativados e os funcionários exonerados.

Maluf foi condenado em maio pelo Supremo Tribunal Federal por lavagem de dinheiro. Na terça-feira (19), o ministro Luiz Edson Fachin rejeitou um recurso do deputado e determinou início "imediato" da pena de 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão, além da perda do mandato.
Enquanto isso, Jacob está preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, desde junho deste ano. Ele foi condenado em 2006 por falsificação de documento público e dispensa irregular de licitação quando o peemedebista era prefeito de Três Rios (RJ).

Atualmente, o salário bruto dos deputados federais é de R$ 33.763. Eles também recebem mensalmente uma cota parlamentar que varia de acordo com a distância de seus estados de Brasília. No caso dos representantes da Capital Federal, que recebem o menor valor, essa verba é de R$ 30.788,66. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 22/12/2017 - 10:03:40  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.80/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.8/5 (5 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Encerrando a temporada de apresentações natalinas, o Bodódromo, no bairro Areia Branca, recebe a Philarmônica 21 de Setembro, nesta quinta-feira (21). A apresentação promete emocionar a plateia, a partir das 19h30, com canções que falam sobre o amor, o espírito natalino e o nascimento do menino Jesus.

Os 'Concertos Itinerantes Natalinos' se apresentaram para mais de 1500 pessoas ao longo do mês de dezembro, em locais da sede e do interior do município.

Para a secretária de Cultura, Turismo e Esportes, Maria Elena de Alencar, é uma grande felicidade chegar ao final de 2017 levando a mensagem de paz e renovação. "Desde setembro estamos levando a boa música para todos os lugares. Abordamos várias temáticas como a música clássica, popular, MPB e estamos finalizando o ano com as mais belas canções de Natal, por isso, convidamos a toda população para prestigiar o último concerto em Petrolina", celebra.

O projeto 'Concertos Itinerantes' faz uma pausa para ensaios de carnaval, e retoma em 2018 com nova temporada. O programa é uma realização da Prefeitura de Petrolina, através, Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE). (Ascom)




Publicado por: - 21/12/2017 - 16:52:56  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.75/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.8/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O governo dos EUA decidiu suspender uma regra em vigor havia três anos que proibia experimentos em laboratório com vírus mortais.

O argumento é que os benefícios potenciais superam os riscos. Pesquisadores poderão, assim, manipular vírus como influenza, Sars (causador da síndrome respiratória aguda grave, que atingiu a Ásia) e Mers (síndrome respiratória do Oriente Médio).

A proibição a esse tipo de experimento havia sido imposta após violações de segurança em instituições federais americanas em testes envolvendo o antraz (doença causada por uma bactéria) e a gripe aviária.

Agora, um comitê científico terá que revisar e dar o sinal verde para cada projeto de pesquisa.

Só será permitido iniciar os experimentos se o comitê determinar que não há outra forma mais segura de conduzir a pesquisa e que os potenciais benefícios justificam o correr o perigo.

Prós e contras

Os mais críticos dizem que a decisão não elimina os riscos de uma pandemia acidental. Do outro lado, os que apoiam a medida argumentam que muitos Estados dos EUA não estão preparados para um surto de um vírus mortal, e que as pesquisas podem ajudar na prevenção. (BBC)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 14:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.0/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo, que soma todos os impostos, taxas e contribuições pagos pelos brasileiros no período de um ano, atingiu nesta quinta-feira (21) R$ 2,1 trilhões. Até o último dia do ano, o placar deve chegar a R$ 2,170 trilhões, crescimento de 8,4% em relação ao ano passado, sem considerar a inflação.

No estado de São Paulo, segundo o Impostômetro, os tributos somam R$ 775,1 bilhões do início do ano até hoje, o correspondente a 37,9% da arrecadação total do Brasil. Na capital paulista, o total é de R$ 25,9 bilhões.

A ferramenta é uma projeção criada há sete anos com o objetivo de conscientizar o cidadão sobre a alta carga tributária do país e incentivar a cobrança para que os governos ofereçam serviços públicos de qualidade. O painel do Impostômetro fica na Rua Boa Vista, centro da capital paulista.

Alencar Burti, presidente da Associação Comercial e da Federação das Associações Comerciais no estado, disse que a retomada da atividade econômica, principalmente do setor industrial, foi uma das razões para o aumento dos valores. (ABr)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 13:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.25/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.3/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O solstício de verão, dia mais longo do ano, acontece nesta quinta-feira (21) para quem está abaixo da Linha do Equador. A data inaugura o verão, que começa oficialmente às 14h28 de 21 de dezembro de 2017 e vai até às 13h15 do dia 20 de março de 2018.

Nesse horário, ocorre a menor sombra do ano no Hemisfério Sul, porque o Sol atinge sua maior declinação em relação à Linha do Equador.

De acordo com o INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), a expectativa para o verão de 2017/2018 é que a presença do fenômeno natural La Niña, de intensidade fraca, mantenha as temperaturas acima da média na região Sul, que deve ter chuvas irregulares, e abaixo nas regiões Sudeste e Centro-Oeste. É possível que os índices de chuva nas regiões Norte e Nordeste também fiquem acima da média. (VEJA)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 12:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.50/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.5/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A insegurança quanto ao futuro do PMDB, que pode ser esticada com a judicialização do processo, coloca em banho-maria a formação de chapas do governador Paulo Câmara. Pelo andar da carruagem e com a promessa- de ambos os lados- de lutarem até o último cartucho, há a expectativa de que as articulações sejam definidas somente no limite dos prazos da Justiça Eleitoral.

A incerteza tem causado inquietação na Frente Popular porque o grupo pode ter que trabalhar coligações em que os aliados correm risco de, depois, perder legenda, o que atrapalha a matemática do coeficiente eleitoral das bancadas. O rumo do PMDB preocupa, sobretudo, Paulo, que pode ficar sem o maior tempo de propaganda na televisão, caso o partido vá para as mãos senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB).

"Embora eu ache que os deputados Jarbas Vasconcelos e Raul Henry não estejam pensando nisso, porque estão preocupados com a manutenção do diretório, os partidos da Frente vão ter que se sentar e discutir essa questão. Como vai se fazer uma chapa, chamar outros deputados, com essa indefinição?", questionou, em reserva, um membro do Palácio.

As alianças podem ficar embaralhadas porque, caso o PMDB fique com Fernando e vá para oposição, o grupo ligado a Jarbas deve migrar para outras siglas. Eles podem se filiar até 2 de abril. O PSD, PPS e PSB já sinalizam que estão de portas abertas.

De acordo com o presidente estadual do PSD e deputado federal, André de Paula, se Jarbas quiser se filiar, será para liderar a sigla, além de ter garantida a vaga para o Senado. "O homem que foi duas vezes prefeito, governador, senador, é o líder de partido. Fui presidente de um em que o líder era Marco Maciel. Eduardo Campos e Arraes foram, tendo outros presidentes", disse o parlamentar e ex-secretário do governo Jarbas. (FolhaPE)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 11:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 3.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3.0/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que, em 2016, a taxa de analfabetismo no país caiu para 7,2%. Em 2015, 8% dos brasileiros com 15 anos ou mais não sabiam ler ou escrever no país.

O levantamento foi feito ao longo de 2016 por meio da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD). Naquele ano, o total de analfabetos foi estimado em 11,8 milhões de pessoas e "apresentou relação direta com a idade, aumentando à medida que a idade avançava até atingir 20,4% entre as pessoas de 60 anos ou mais".

O total de analfabetos mostra que o país ainda está distante de cumprir a Meta 9 do Plano Nacional de Educação (PNE), instituído pela Lei n. 13.005. O PNE estipulava a redução da taxa de analfabetismo para 6,5%, em 2015. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 10:33:23  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.25/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.3/5 (4 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O matadouro público de Petrolina será reformado. As obras serão autorizadas pelo prefeito Miguel Coelho, nesta sexta (22), em ato público com presença dos marchantes que voltarão a trabalhar no local depois da revitalização. A assinatura da ordem de servico ocorrerá às 9h, nas instalações do matadouro, no bairro Jatobá.

A obra receberá investimento de R$ 1,3 milhão da Prefeitura e Governo Federal. Entre as ações previstas para requalificar o equipamento estão a recuperação estrutural do imóvel, pintura, serviços na rede elétrica e compra de novos equipamentos para os serviços de abate e atendimento.

A expectativa é de que a reforma leve de seis a oito meses para ser concluída. Com a entrega do novo matadouro, o município voltará a ter um equipamento público para o abate seguro e fiscalizado, permitindo mais segurança para consumidores e condições de trabalho aos marchantes que comercializam as carnes. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 09:43:05  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.0/5 (2 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A Justiça da vara de Execuções Penais do Distrito Federal determinou na tarde desta quarta-feira (20) que o deputado federal Paulo Maluf (PP) cumpra a pena em um presídio do Complexo da Papuda, em Brasília. A defesa de Maluf entrou com uma petição para que ele cumpra pena em prisão domiciliar em São Paulo. Maluf tem 86 anos. Ainda não foi definido quando Maluf será transferido.

Na terça-feira (19), o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o "imediato início" do cumprimento da pena de 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão, imposta pelo tribunal por desvios praticados por Maluf na Prefeitura de São Paulo. A defesa de Maluf entrou na tarde desta quarta-feira com pedido junto ao STF para que a decisão de Fachin seja suspensa.

"Levado a cabo o recambiamento, fica desde logo determinada a alocação do sentenciado no Bloco V, ala B, do Centro de Detenção Provisória, destinado aos presos idosos, na medida em que o reeducando claramente preenche os requisitos para tanto", diz a decisão do juiz Bruno Aielo Macacari.

Ainda em sua decisão, o juiz de plantão afirmou quea direção do CDP deve informar em 48 horas de tem condições de prestar a assistência médica de que necessita o sentenciado, ainda que com recurso à rede pública de saúde. Pede ainda que seja feita uma nova perícia do Instituto Médico Legal e que os autos sejam encaminhados ao Ministério Público.

O advogado de Maluf, Antônio Carlos de Almeida Castro, disse que a decisão é "positiva". "Consideramos a decisão positiva pois o bloco V tem condições razoáveis e é melhor do que o sistema prisional de São Paulo. Como ele está condenado não poderia ir para a PF de SP. Ele estará bem alojado ate a definição da prisão domiciliar", disse o advogado. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 08:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



Segundo a Diretora de Fiscalização da AMMA, Dayanna Bione, uma empresa especializada em recolher esse tipo de material foi acionada para que se dê o devido destino. "A empresa roubada, assim que soube do paradeiro de parte da carga, se apresentou a AMMA levando a documentação que comprova o roubo. Por este motivo, ela está resguardada que não possuía responsabilidade sobre o descarte irregular deste tipo de vasilhame. De imediato, eles acionaram uma organização especializada nesse tipo de transporte e descarte" explica.

No local, cerca 320 galões foram encontrados. Foram 08 toneladas de resíduos, solo raspado e vasilhames com agrotóxico recolhidos. O lixo foi recolhido nesta quarta-feira (20), para o local de descarte correto.

Descarte correto:

Os produtores devem realizar a tríplice lavagem e providenciar a devolução dos recipientes dos agrotóxicos. Rótulos, tampas e caixas de papelão que embalam os vasilhames de defensivos, também devem ser levados para a central de recebimento da Associação do Comércio Agropecuário do Vale do São Francisco (Acavasf) , localizada no Núcleo 1, do Perímetro de Irrigação Senador Nilo Coelho, em Petrolina. (Ascom)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 07:00:00  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.33/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.3/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



A Procuradoria Geral da República (PGR) informou nesta quarta-feira (20) ter denunciado o deputado Wladimir Costa (SD-PA) e mais cinco pessoas pelo crime de peculato por suposto desvio de R$ 230 mil que deveriam ter sido aplicados em atividades esportivas no Pará.

A denúncia foi apresentada nesta terça (19) e, segundo a PGR, os acusados teriam desviado recursos destinados à realização de aulas de canoagem em um instituto no estado. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 21/12/2017 - 00:42:03  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.0/5 (3 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira (20) que, no entendimento dele, caberá ao plenário da Casa decidir sobre a perda do mandato do deputado Paulo Maluf (PP-SP), determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Maluf foi condenado em maio pelo STF por lavagem de dinheiro e, nesta terça, o ministro Luiz Edson Fachin rejeitou um recurso do deputado, determinando o início "imediato" da pena de de 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão, além da perda do mandato.

"Pela jurisprudência do Supremo, o plenário da Câmara tem que se manifestar, não a Mesa [Diretora da Casa], sobre a perda do mandato", afirmou.

Questionado, depois, sobre a determinação do STF para a Mesa decretar a cassação sem votação, Maia respondeu que só vai decidir o que fazer após ouvir a assessoria jurídica da Câmara.

"Eu só posso responder quando minha assessoria falar. O meu assessor precisa receber, ler e tomar a decisão. Na minha avaliação, há uma jurisprudência que o plenário da Câmara é que decide", afirmou. (G1)




Publicado por: Daniel Campos - 20/12/2017 - 18:29:10  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 1.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1.0/5 (2 votos)

 

Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   



«Primeira «Recentes ... 30 31 32 33 34 [35] 36 37 38 39 ... Antigas» Última»