Daniel no Rádio



São João de Petrolina movimenta mais de R$ 200 milhões na economia do município

O prefeito Miguel Coelho apresentou na manhã desta quinta-feira (06) um balanço geral do São João de Petrolina. O evento iniciado em maio com festas descentralizadas nos bairros movimentou ao longo de quase 40 dias mais de R$ 200 milhões e gerou em torno de 8 mil empregos diretos e indiretos. Na apresentação, o prefeito ainda mostrou os dados de uma pesquisa (Instituto Alfa) contratada pela gestão municipal para avaliar o nível de satisfação com o São João, a qual constatou uma aprovação absoluta (95,57%).

O circuito junino atraiu no total um público de 820 mil moradores de Petrolina e turistas. Desse volume, 26% era de origem de outras 70 cidades de Pernambuco, Ceará, Paraíba, São Paulo entre outros estados. Esse quantitativo fez com que a rede hoteleira de Petrolina ficasse totalmente ocupada entre os dias 16 e 24 de junho, datas em que ocorreram as festas no Pátio Ana das Carrancas.

O público ainda avaliou positivamente a segurança do evento. O esquema montado numa parceria da Prefeitura, Polícias Militar, Civil e Rodoviária, além da Guarda Municipal e Ammpla, resultou em nenhuma ocorrência de crime grave e teve aprovação de 91% da população que participou do festejo junino. Para isso, foram mobilizados 520 profissionais de segurança pública ao longo do evento.

A programação dos shows e a estrutura montada também tiveram aprovação quase total. 96,6% das pessoas pesquisadas considerou a grade cultural boa ou ótima. Em relação ao ano passado, 86,4% do público considerou melhor o São João de 2017.

Segundo o prefeito, o balanço do evento junino foi acima do esperado. Ainda assim, Miguel Coelho adiantou que a Prefeitura fará ajustes para melhorar a estrutura e atrair mais turistas para o município sertanejo. "Nada disso seria possível sem a população, os servidores envolvidos no evento, a imprensa que divulgou, os empresários que investiram, enfim, de todos que participaram direta ou indiretamente. Mas nossa pretensão é consolidar Petrolina como o principal polo de São João do Brasil e para isso precisamos aumentar ainda mais os serviços e estrutura para atender com qualidade nossos moradores e os turistas que virão conhecer não apenas a festa, mas todos os atrativos que Petrolina oferece", explicou o prefeito. (Ascom)

Confira os principais números do balanço do São João 2017:

Cultura:

Programação com 80 shows (aprovada por 96,6%)

16 eventos (shows, concursos, quadrilhas, etc) em quase 40 dias

Resgate do São João dos Bairros (aprovado por 88%)

86,4% do público considerou o São João 2017 melhor que no ano passado

32 artistas da região contemplados

Economia:

Movimentação financeira superior a R$ 200 milhões durante o circuito

8 mil empregos diretos e indiretos gerados

Redução nos custos da Prefeitura superior a 30% em relação a 2016

São João considerado ótimo ou bom por 81% dos segmentos (hotéis, comércio, táxis, bares, restaurantes)

49% da cadeia econômica considerou o São João 2017 mais rentável (23% igual, 22% pior, 6% não soube informar)

Segurança:

Efetivo de 520 profissionais da PM, PC, PRF, GM e Ammpla

Nenhuma ocorrência relacionada a crimes graves (homicídios, latrocínio, estupro)

Turismo e divulgação:

Rede hoteleira lotada

26% do público era de turistas. Desse total, 22% nunca tinha participado

Mais de 12 mil imagens registradas, mil postagens nas redes sociais, 67 matérias produzidas, ações em dois aeroportos e cerca de 40 outdoors pelo estado

Saúde:

116 atendimentos médicos; menos da metade de ocorrências registradas em 2016

Serviços:

Mais de 60 toneladas de lixo recolhidas no circuito junino

Em torno de 800 servidores da prefeitura envolvidos na organização e manutenção do evento

80 máquinas e veículos no suporte à festa

Solidariedade:

6 toneladas de alimentos e 4 mil peças de vestuário arrecadados


Publicado por: Daniel Campos - 06/07/2017 - 16:02:57

 


Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   

  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.15/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.2/5 (40 votos)

 

 

COMENTÁRIOS