Daniel no Rádio



Sob nível recorde de CO2, planeta deve atingir aumento de 1°C neste ano

O aquecimento global deve levar o planeta a passar uma marca preocupante neste ano: o aumento médio de 1°C na temperatura média da superfície do planeta, em relação aos níveis do século 18, anteriores à Revolução Industrial.

A má notícia foi divulgada nesta segunda-feira (9) pelo Escritório Meteorológico do Reino Unido, o Met Office, uma das principas instituições de pesquisa dedicadas a compreender a mudança climática.

Ao cruzar o limite de 1°C, o planeta chega à metade da trajetória para um aquecimento de 2°C, considerado "perigoso" por climatologistas. Negociadores de 190 países se reúnem na cúpula do clima da ONU em Paris (COP 21), em dezembro, para discutir como deter o aumento.

Cientistas afirmam que o aumento substancial de temperatura registrado ocorrerá em parte em razão do El Niño, o afloramento de águas quentes no Pacífico, apesar de a maior parte do fenômeno ser atribuível ao calor extra gerado pelo agravamento do efeito estufa.

"Tivemos eventos naturais similares no passado, mas essa é a primeira vez que estamos em vias de bater a marca de 1°C", afirmou Stephen Belcher, diretor do Centro Hadley de Pesquisas, ligado ao Met Office. "É um sinal claro de que é a influência humana que está levando o clima moderno a uma zona inexplorada."

O objetivo da cúpula de Paris será o de delinear uma política de redução nas emissões de outros gases do efeito estufa para evitar que o planeta atinja os 2°C excedentes antes de 2100. (Reuters)


Publicado por: Daniel Campos - 09/11/2015 - 19:00:00

 


Comentários(0)  Imprimir  Compartilhar   

  
Gostou dessa matéria?
  • Currently 2.16/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 2.2/5 (32 votos)

 

 

COMENTÁRIOS